Edição 2015

O Prêmio Nacional Dólmã surgiu em 2013 e está apenas na sua segunda edição. A ideia do prêmio é valorizar e reconhecer os profissionais da gastronomia de todas as regiões do Brasil. Ao longo de um ano, após a primeira edição em 2014, três chefs de cada estado e cinco nacionais foram indicados para concorrer à premiação 2015. A Comissão de Pesquisa escolheu um representante de cada estado e os cinco nacionais através de análises curriculares, o segundo chef estadual foi indicado pelos internautas através do facebook e o terceiro foi uma indicação do premiado de 2014, sendo ao todo 86 chefs indicados.

ESTADOS PARTICIPANTES

Estados participantes da edição 2015: Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe, Tocantins.

Enchefs 2015

O ENCONTRO NACIONAL DE CHEFS DO BRASIL – ENCHEFS reuniu no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, durante a Semana Nacional de Gastronomia e Turismo - SNGT, os chefs indicados ao Prêmio Dólmã 2015 e os embaixadores, que são os chef vencedores do Dólmã 2014. A ideia do encontro é a socialização e a troca de experiências entre chefs de todo o Brasil, além das aulas-shows, onde os premiados 2014 realizaram receitas criadas com ingredientes regionais, ligados ao seu estado de trabalho.

Na manhã que antecedeu a Cerimônia de premiação, os Chefs indicados estavam vestidos com a vestimenta oficial do evento, o dólmã de luxo, criado pela parceira DAM, que trouxe detalhes relacionados à onça pintada, e com os aventais dos seus respectivos estados, onde pousaram para foto oficial e participaram do “quebra-torto”, café da manhã típico do Mato Grosso do Sul.

CERIMÔNIA 2015

Este ano a premiação ocorreu no mês de junho, após um ano de trabalho intenso, dedicação e pesquisa, em que a transparência e a seriedade são pontos essenciais. A ideia da cerimônia é proporcionar aos participantes uma noite de gala, resgatando a elegância dos grandes eventos de luxo, valorizando a cultura, a história e a arte de todos os estados brasileiros.

Mato Grosso do Sul

O estado do Mato Grosso do Sul foi escolhido como o segundo estado anfitrião para receber esse projeto, que aconteceu na casa de festa Buffet Yotedy. A chef sul mato-grossense madrinha do evento, que defendeu e venceu a disputa na última edição, Cláudia Girelli, que hoje reside em Portugual, passou o título para a Chef Míriam Azarini. O evento teve como principais parceiros o SENAC/MS e o Fecomércio, que apostaram no projeto e criaram a Semana Nacional de Gastronomia e Turismo (SNGT) para receber os chefs do Prêmio Dólmã.

Tapete Vermelho

Os profissionais da área e autoridades puderam brilhar numa noite de gala, repleta de brilho e luxo. A estatueta que resgata e valoriza a importância da premiação, criada especialmente pelo artista plástico sul mato-grossense, Anor Mendes, também fez parte da decoração. Os convidados foram tratados como verdadeiras celebridades, com uma entrada triunfal no tapete vermelho da gastronomia.

APRESENTAÇÕES ARTÍSTICAS

Animação não faltou na grande noite, que começou com a recepção do Grupo de Percussão do Sesc Lageado, e seguiu com apresentações do comediante e ator Murillo Flores, na qual interrompia a cerimônia para fazer piadas. Ainda teve apresentações do músico Paulo Simões, e da banda Forrozen que encerrou a noite resgatando a cultura nordestina com o forró pé-de-serra e a tradicional quadrilha junina com os convidados.

Votação

A indicação dos chefs na internet ocorreu nos períodos de outubro a dezembro de 2014, através da página do Facebook. As outras indicações foram da Comissão de Pesquisa e dos chefs premiados em 2014. A votação dos indicados ao prêmio foi através do aplicativo mobile “Prêmio Dólmã” para o sistema android e pela página do Facebook na aba votação. Os votos dos internautas representaram 40%, e os votos da Comissão Julgadora correspondeu a 60%.

Reconhecimento Nacional e Repercussão

O Prêmio Dólmã conhecido pelo público como o Prêmio Máximo da Gastronomia Brasileira, ganhou notoriedade e espaço principalmente na internet. Os internautas foram fundamentais na indicação e votação dos chefs, apoiando e divulgando o projeto, além dos profissionais de gastronomia que participaram ativamente. A realização da cerimônia Dólmã proporcionou uma grande divulgação nos meios de comunicação de todo o Brasil, fazendo com que todos pudessem reconhecer a importância da gastronomia e dos profissionais da área no nosso dia-a-dia.

Premiação

O resultado final da votação foi divulgado na noite da cerimônia durante a apresentação do prêmio. Os finalistas de cada estado e o nacional ficaram num lugar separadamente do público aguardando o resultado. A cada chamado a emoção e confraternização tomavam conta de todos. O chef vencedor descia as escadas e desfilava pelo grande tapete vermelho até a entrega da estatueta no palco. Os premiados de 2015 além da estatueta ganharam um presente, um porta-retrato com suas fotos.

CHEFS PREMIADOS 2015


CATEGORIA NACIONAL

CHEF PAULO MACHADO
CATEGORIA ESTADOS

ACRE: CHEF DEOCLECIANO BRITO
ALAGOAS: CHEF SIMONE BERT
AMAPÁ: CHEF ALINE LOBO
AMAZONAS: CHEF CLÁUDIO PROCOPIO
BAHIA: CHEF DADÁ
CEARÁ: CHEF CLOVIS LIMA
DISTRITO FEDERAL: CHEF MARA ALCAMIM
ESPÍRITO SANTO: CHEF ALESSANDRO ELLER
GOIÁS: CHEF JOÃO
MARANHÃO: CHEF PIETER-JAN CONINX
MATO GROSSO: CHEF ANDRÉ VITALIANO
MATO GROSSO DO SUL: CHEF VERA CHAVES
MINAS GERAIS: CHEF CIDINHA LAMOUNIER
PARÁ: CHEF ANGELA SICILIA
PARAÍBA: CHEF ADRIANA COOK
PARANÁ: CHEF JORGE GIACCHINI
PERNAMBUCO: CHEF CRIS BORTOLOTO
PIAUÍ: CHEF THIEGO LOIOLA
RIO DE JANEIRO: CHEF MÔNICA NERY RANGEL
RIO GRANDE DO NORTE: CHEF THIAGO GOMES
RIO GRANDE DO SUL: CHEF JUNIOR PAZ
RONDÔNIA: CHEF CÉSAR ALMADA
RORAIMA: CHEF FLÁVIA EVARISTO
SANTA CATARINA: CHEF ALEX FLOYD
SÃO PAULO: CHEF ANTONIO FILHO
SERGIPE: CHEF ROSE MUNHOS
TOCANTINS: CHEF THIAGO SIINTANI


CERIMÔNIA DÓLMÃ 2016

Durante a apresentação da premiação 2015 surgiu o anúncio da próxima edição, o estado escolhido para receber esse grande evento foi o Amazonas. A defesa do estado escolhido foi feita pelo embaixador e premiado em 2014, o chef amazonense Paulo Fortunato. Mais dois estados entraram na disputa, contudo a escolha para a próxima edição foi feita pelo Conselho do Comitê de Gastronomia do Brasil 2015.